Prefeitura de Goiânia interdita academias a céu aberto na cidade

A Prefeitura de Goiânia irá interditar as academias públicas situadas em parques e praças de Goiânia. A medida irá iniciar nesta quarta-feira, 8, e tem apoio do Governo do Estado. O motivo é evitar aglomerações nesses locais para evitar que a população seja infectada pela Covid-19, já que mesmo com os decretos publicados no mês de março, parte da população continuou a frequentar esses locais.

À princípio, o ênfase será nos lugares que têm concentrado maiores aglomerações, como Parque Flamboyant, no Jardim Goiás, o Parque Vaca Brava, no Setor Bueno, e o Areião, no Setor Marista. A capital conta com 42 parques em diversas regiões, nos quais 17 possuem equipamentos de ginástica. Todos irão receber a visita de agentes da Guarda Civil Metropolitana, auditores fiscais da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação (SEPLANH), e da Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) para interdição dos equipamentos.

“Sabemos da importância e da necessidade que muitos possuem de realizar exercícios físicos e que, com a determinação para fechamento das academias privadas, muitos têm buscado outros meios. Infelizmente estamos enfrentando um momento incomum e que coloca em risco a vida de toda a população e, por esse motivo tanto a gestão municipal quanto a estadual, estão tendo que tomar atitudes mais severas. O que todos temos que ter em mente é que essas atitudes tem um único fim, e que é o mais importante, o de resguardar nossa população e defender a vida de cada um”, afirmou Zilma Percusor Campos Peixoto, Secretária Municipal de Planejamento Urbano e Habitação.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.