Planaltina: secretário municipal é preso por corrupção passiva

O secretário municipal de Transportes e Serviços Urbanos de Planaltina de Goiás, José Álvaro Benevides, conhecido como ‘Cunhadinho’, foi preso preventivamente na manhã desta terça-feira (9/7), suspeito de receber propina de empresas do Distrito Federal para permitir que elas descartassem lixo em áreas públicas da cidade goiana, localizada no Entorno.

Estima-se que no período de três meses o secretário tenha recebido cerca de R$ 20 mil no esquema criminoso.

Também foram cumpridos mandados de busca e apreensão na casa do investigado e na Secretaria de Transportes do município. A prisão preventiva de ‘Cunhadinho’ foi cumprida por agentes da Polícia Civil de Goiás (PCGO), por meio Delegacia de Polícia (DP) de Planaltina, no âmbito da Operação Trapaça.

Segundo informações da Polícia Civil, ‘Cunhadinho’ também é investigado pelos crimes de estupro de vulnerável e de um esquema de pagamento de propina a funerária para atuação sem licitação no cemitério da cidade. Com a operação de hoje, ele deve ser indiciado por poluição qualificada, corrupção passiva, associação criminosa e fraude processual. Ele está preso na Cadeia Pública de Planaltina à disposição do Poder Judiciário.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.