Lissauer promove ações de sustentabilidade na Alego e reforça atenção ao meio ambiente

Além de várias medidas de economia implantadas na Assembleia Legislativa, o presidente Lissauer Vieira (PSB) também tem fomentado diversas ações de sustentabilidade no Parlamento goiano, entre elas, a substituição de copos descartáveis por canecas ou garrafas pessoais. A iniciativa visa conscientizar os servidores da Alego sobre a importância das boas práticas ambientais, bem como, reduzir ainda mais os gastos do Poder Legislativo.

Segundo um diagnóstico interno, cerca de 126 mil copos descartáveis eram gastos por mês na Assembleia, gerando um custo mensal de mais de R$ 50 mil para o Legislativo goiano. Pensando nisso, o presidente Lissauer junto à diretoria Administrativa da Alego, iniciaram, em junho deste ano, a campanha “Selo Verde – troque um copo descartável por uma atitude sustentável”. Bem acolhido por todos os servidores, o projeto já apresenta um resultado altamente positivo com uma redução de mais de 60 mil copos somente nos meses de junho e julho. A intenção é zerar o fornecimento de descartáveis até o fim deste ano.

“Sem dúvida esta é mais uma medida importante que conseguimos implantar no Poder Legislativo e que tem contribuído de forma satisfatória, não só para a economia da Alego, mas, principalmente, para a conservação do nosso meio ambiente. Estamos otimistas com esse trabalho e acreditamos que vamos conseguir reduzir ainda mais a quantidade de copos descartáveis utilizados nos departamentos da Assembleia”, destacou o presidente Lissauer.

Outras ações com foco em sustentabilidade também serão implementadas no Parlamento goiano, como a implantação de lixeiras seletivas em todas as seções da Alego e a substituição de papel toalha por secadores de mãos. Através dessas medidas, o Poder Legislativo de Goiás vem se destacando como uma das Casas Legislativas mais sustentáveis do país.

Selo Verde

Visando incentivar os departamentos da Alego a utilizarem canecas e squeezes, o projeto consiste em premiar as seções que abolirem o uso de copos descartáveis com um selo de reconhecimento, o “Selo Verde”. A iniciativa foi desenvolvida pela diretoria Administrativa da Casa, sob o comando de Marco Antônio Ferreira, em parceria com outras seções

Dezenas de departamentos já receberam o Selo Verde, entre eles, a Diretoria de Articulação Política; Diretoria de Gestão de Pessoas; Comissão de Tributação, Finanças e Orçamento; Comissão de Constituição, Justiça e Redação; Sesmt; Seção de Serviços Sociais; Seção de Assessoramento Temático e Escola do Legislativo, já foram reconhecidas com o selo. Os gabinetes dos deputados Coronel Adailton (PP), Paulo Cezar Martins (MDB), Álvaro Guimarães (Dem) e Rubens Marques (Pros) também aderiram à iniciativa e receberam o selo verde.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.