Governo de Goiás entrega, em Aparecida, os primeiros 500 cartões do programa de aluguel social

O Mutirão Iris Rezende, promovido pelo Governo de Goiás em Aparecida de Goiânia, neste fim de semana, terá mais de mil atendimentos da Agência Goiana de Habitação (Agehab). O evento contará, sábado (11/12) e domingo (12/12), com a entrega dos primeiros 500 benefícios do programa Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social, destinados a famílias do município. Também serão distribuídas escrituras para famílias dos bairros aparecidenses Colina Azul, Independência Mansões, Jardim Tiradentes e Madre Germana. Foram convocadas ainda famílias dos mesmos bairros para assinatura de escrituras, que ainda serão encaminhadas para cartório antes da entrega definitiva. Ao todo serão mais de 520 atendimentos de regularização fundiária.

Novidade entre os atendimentos, o Aluguel Social acaba de ser criado pelo governador Ronaldo Caiado. O programa destina o valor mensal de R$ 350 para locação de imóveis por 18 meses (prorrogáveis por mais 18) para famílias que se enquadrem nos critérios do déficit habitacional em Goiás. Entre eles estão situação financeira vulnerável, ser inscrito no CadÚnico no município (neste caso Aparecida de Goiânia), ser maior de 18 anos ou emancipado e residir no município por, no mínimo, três anos.

Após as inscrições, encerradas na semana passada, foram sorteados 500 candidatos ao benefício e outros 500 nomes para formação de cadastro de reserva. As famílias estão comparecendo nesta semana à sede da Agehab, em Goiânia, para levar a documentação comprobatória de situação econômica e social. Segundo o presidente da Agehab, Pedro Sales, o objetivo é que o projeto-piloto em Aparecida sirva de modelo para todo o Estado. “A determinação do governador é priorizar o projeto-piloto. A lei que criou o programa foi aprovada rapidamente na Assembleia Legislativa, com o apoio dos deputados, e ficamos satisfeitos em já entregar os primeiros 500 cartões, sabendo que vamos ajudar essas famílias a terem um Natal melhor”, ressalta.

Regularização
Na seara da regularização, Aparecida receberá pelo menos 523 atendimentos durante o Mutirão, sendo 350 de entrega e 173 para assinaturas. Na primeira edição, realizada na Região Noroeste de Goiânia nos dias 20 e 21 de novembro, 1.006 famílias foram beneficiadas com 674 escrituras entregues e 332 assinaturas coletadas, nos bairros Jardim Curitiba, Boa Vista, Bairro da Vitória, Conjunto Primavera, Vila Mutirão, Bairro Floresta, São Carlos e São Domingos. A próxima edição do Mutirão, em Aparecida, será realizada na Avenida Benedito Silvestre de Toledo, no Bairro Independência.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.