Governo Caiado vai realizar 100 mutirões até junho do ano que vem

(Matéria do site Mais Goiás)

A administração do governador Ronaldo Caiado (DEM) pretende realizar pelos menos 100 mutirões até junho do ano que vem, em formato semelhante ao que virou marca das gestões do ex-prefeito Iris Rezende (MDB). O primeiro acontece no próximo sábado (20), a partir das 7h. Será um evento marcado por homenagens a Iris, que morreu no dia 9 de novembro. Acontecerá na região noroeste de Goiânia, onde a aprovação do ex-prefeito sempre foi acima da média.

O mutirão vai ocupar uma área de aproximadamente 6 mil metros quadrados na praça da Feira, por onde passa a avenida Mangalô. Embora os estandes estejam sendo instalados agora, o trabalho de organização do governo começou há dias. Na sexta-feira, por exemplo, o assessor especial da Governadoria Marcos Cabral reuniu-se com cerca de 170 líderes de bairro, vereadores e chefes de família para diagnosticar demandas pontuais da região. “A maioria dos pedidos têm a ver com infraestrutura”, diz Marcos ao Mais Goiás. “Foi uma reunião que nos ajudou a entender os anseios de quem mora aqui”.

Mais de mil servidores do governo a serviço dos mutirões

Cerca de mil servidores públicos do Estado devem participar do mutirão, além de outras centenas do Tribunal de Justiça, prefeitura e entidades ligadas ao setor empresarial. A previsão do governo é a de que 20 mil goianienses passem pela praça da Feira no próximo sábado. O governo já começou a divulgar o evento, com o suporte de carros de som e pequenas emissoras de rádio locais.

A Secretaria de Saúde será protagonista do mutirão, com 16 quiosques e drive thru (para aplicação de segunda dose e dose de reforço da vacina contra covid-19). Estima-se que pelo menos quatro mil servidores da pasta – entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e pessoal de apoio – estejam no suporte que será oferecido no sábado. Além da imunização contra covid-19, a Saúde vai oferecer vacina contra outras doenças e realizar exames oftalmológicos e doar 600 óculos.

No estande ao lado, da Secretaria de Educação, haverá aulas de preparação de alunos para o Enem. Em outro, doação de cestas básicas. Em outro, entrega de 3000 cartões do programa Mães de Goiás, além de regularização de imóveis, cursos de profissionalização, 50 cabeleireiros disponíveis para oferecer cortes gratuitos, emissão de documentos e outros serviços. Tudo isso coordenado pelo gabinete do governador, que já está instalado.

A cereja do bolo são as mil refeições que o governo vai oferecer. A partir de sexta, o colégio que fica próximo à praça da Feira cederá espaço para preparação da comida. O cardápio é um prato conhecido como Maria Isabel (um misturado de arroz com carne de sol que se originou no Piauí, mas foi incorporado à cultura de Goiás). “O governador e todos nós somos pessoas simples, gostamos de comidas simples. O Maria Isabel foi uma opção que de cara agradou a todos”, diz Marcos.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.