Goiás melhora e nenhuma região está em situação de calamidade por Covid

Matéria do site Poder Goiás:

Diferente do início do mês em que três regiões estavam em situação de calamidade, oito em situação crítica e sete em situação de alerta, Goiás está nesta semana com apenas duas regiões com o risco de contágio pelo coronavírus Sars-CoV-2 em crítico: Rio Vermelho e Entorno Sul.

Na primeira, por causa da alta taxa de ocupação de leitos de UTI; na segunda, a velocidade de transmissão do vírus está acelerada e o número de mortes aumentou nas últimas semanas. Os dados são do Mapa de Calor, divulgado semanalmente pela Secretaria de Estado da Saúde.

Os técnicos avaliam seis itens referentes à manifestação da Covid-19 nas cidades de cada região. Entre eles estão a infestação de Síndromes Respiratórias Agudas Graves (Srags), mortalidade por Covid-19, velocidade de manifestação e dados referentes à sobrecarga do sistema de saúde público e privado.

Em relação à região do Rio Vermelho, onde fica Aruanã, entre outros municípios, o que ainda mantém a situação crítica são os dados de ocupação dos leitos de unidade de terapia intensiva (UTIs). Nesta região, os leitos estaduais permaneceram na última semana com ocupação de cerca de 86%, enquanto que os demais públicos e privados ficaram totalmente ocupados.

No entanto, a mortalidade por Covid-19 teve uma redução de quase 42% em relação à semana anterior e a velocidade de contágio está em 0,81, ou seja, são necessários 10 contaminados para que o vírus chegue a outras 8 pessoas.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.