Feminicídio: homem mata esposa em frente ao filho e é preso em Montes Claros de GO

Elina Divarnada Carvalho Gonçalves, de 39 anos, foi morta logo depois de sair da igreja. “Ela saiu da igreja e foi lanchar com o filho, de 3 anos. Ela recebeu uma ligação do cabo Walter e concordou em conversar com ele. Ele foi até o local, mas acabou atirando na cabeça da vítima”, diz o delegado ao destacar que a criança de apenas 3 anos viu a cena, assim como as demais pessoas que estavam no local. Elina chegou a ser socorrida, mas não resistiu.
 Walter José fugiu após o crime, mas foi localizado por policiais pouco tempo depois. Ele teria ameaçado cometer o suicídio, mas acabou preso. Segundo a Polícia Civil, ele foi transferido para o Presídio Militar, em Goiânia.
Segundo o delegado, além de feminicídio, o autor do crime também deve ser indiciado por porte ilegal de arma de fogo, já que, apesar de ter uma licença para ter uma arma de fogo, ele não poderia portá-la.

 

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.