“Estimulei e encomendei estudos sobre desoneração tarifária”, diz Jânio Darrot ao rebater presidente da CMTC

“Comandei o processo com tomadas de decisões e encaminhamento aos técnicos para que apresentassem a melhor solução para desonerar tarifas com receitas extra-tarifárias”, diz presidente da CTDC ao contestar comentários de Benjamin Kennedy. Medidas permitirão reduzir preço das passagens no transporte coletivo

O presidente da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC), Jânio Darrot, explicou, nesta quinta-feira (15/8) a maneira como foi colocado em prática o estudo para desoneração das tarifas do transporte coletivo. “Comandei o processo com tomadas de decisões e encaminhamento aos técnicos para que apresentassem a melhor solução para desonerar as tarifas com receitas extra-tarifárias”, lembra.

Esta semana, o presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), Benjamin Kennedy, declarou à coluna do jornalista Rubens Salomão (O Hoje), que a participação de Jânio Darrot no processo foi “praticamente nula”. Ele rebateu de forma veemente a informação.

Darrot afirma que chamou para si a responsabilidade de dar solução à questão do financiamento do transporte público. “A CDTC cumpriu com seu papel. Estimulei e encomendei estudos que foram apresentados ao governador”, contrapôs ele. “Com a missão cumprida, deixo o comando da companhia na próxima reunião”.

De acordo com a proposta, a desoneração da tarifa seria viabilizada por meio de um pequeno acréscimo na taxa de licenciamento dos veículos. “Ao invés do reajuste, a medida garantiria redução no preço da passagem”, destaca Jânio Darrot.

“Estamos, sempre, à procura de alternativas que possam beneficiar a população”, frisou Darrot. A desoneração também permitiria investimentos “que melhorem a estrutura de terminais e a qualidade dos serviços, com mais dignidade para usuários”, conclui Jânio.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.