Em Santa Terezinha de Goiás, Gracinha Caiado entrega mais 527 cartões do Programa Mães de Goiás

A coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS) e presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), primeira-dama Gracinha Caiado, realizou a entrega de mais 527 cartões às beneficiárias do Programa Mães de Goiás, nesta quarta-feira (29/09). Dessa vez, o município contemplado foi Santa Terezinha de Goiás, no Norte goiano. A iniciativa integra a meta de contemplar 40 municípios em setembro, com um total de 11.760 cartões distribuídos. Somente nesta etapa o investimento do Governo de Goiás é de R$ 3 milhões. O benefício concedido é de R$ 250 mensais para custear itens básicos de alimentação e medicamentos para crianças até seis anos de idade.

Ao falar da necessidade de garantir direitos às crianças ainda na primeira infância, a primeira-dama selou o compromisso que o Governo de Goiás tem em promover justiça social. “São crianças que, mais do que nunca, precisam da proteção da família e, a partir de hoje, vocês [beneficiárias] têm, em todos nós, os seus aliados”, ressaltou. Gracinha Caiado acredita que a conduta de mães com os filhos é similar à do Estado com elas. “Colocamos nossos filhos em primeiro lugar, por isso temos, no nosso coração, que cuidar de mães é cuidar do futuro de todo o nosso Estado” reforçou.

Lançado pelo governador Ronaldo Caiado em agosto deste ano, o Programa Mães de Goiás é uma ação pioneira de distribuição de renda. “O que estamos fazendo é garantir direitos. Porque ele [Caiado] governa para as pessoas, para cuidar de vidas e criar oportunidades com as ações de governo”, ressaltou ao mencionar a liderança do governador nas ações sociais.

O investimento total é de R$ 219 milhões, viabilizados pelo Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Protege Goiás). O objetivo é garantir qualidade de vida, promover segurança alimentar, fomentar comércio local e assegurar a permanência de crianças na escola

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.