Educação: Caiado destina R$ 105 milhões para a regional de Aparecida

“Aqui em Goiás, a excelência é o povo goiano. São meus professores, alunos e aqueles que acreditam no nosso Estado”, disse o governador Ronaldo Caiado durante solenidade, em Aparecida de Goiânia, município cuja regional de educação recebeu um total de R$ 105 milhões em recursos. Nesta quinta-feira (11), ele anunciou repasse superior a R$ 10 milhões para fortalecer o ensino inclusivo. O recurso será aplicado no projeto de revitalização de 316 salas de recursos multifuncionais para o Atendimento Educacional Especializado (AEE). Em solenidade no Colégio Estadual Jardim Tiradentes foi inaugurado o primeiro ambiente totalmente reequipado, nos moldes de como serão os demais.

No evento, foram entregues ainda oito dispositivos de leitura OrCam MyEye para estudantes da rede estadual e municipal, bem como Chromebooks. O governador assinou também ordem de serviço para retomada da construção do colégio padrão Século XXI, no Setor Retiro do Bosque, empreendimento no valor de R$ 7,1 milhões. A solenidade marcou ainda a entrega de 14 mil conjuntos de mobiliário para uso dos estudantes em sala de aula.

“Esse dinheiro tem cada centavo aplicado corretamente, para cada pessoa do nosso estado. Estamos contribuindo para melhorar a qualidade de vida”, pontuou o governador ao lembrar que somente no município são 55 unidades escolares.

As salas ficam em escolas da rede pública estadual espalhadas por todo território goiano. Cada uma delas receberá R$ 32 mil do Governo de Goiás, sendo: R$ 8,7 mil para custeio de reforma, R$ 10 mil para aquisição de materiais didático-pedagógicos, e R$ 13,3 mil para novos mobiliários e equipamentos da área de tecnologia. “Nos preocupamos com a inclusão das crianças que têm algum déficit, seja ele motor ou sensorial. Nós instalamos não só em Aparecida de Goiânia, mas em 316 escolas do estado de Goiás”, avaliou. “Não é só humanizar, mas é fazer uma educação de qualidade. E nós estamos fazendo como referência nacional”, defendeu.

Para a coordenadora regional de Educação, Núbia Faria, o atual governo transformou a realidade da educação e sente orgulho de atuar no setor. “A educação mudou e a pergunta é: onde estava tanto dinheiro? Será que tem uma árvore que dá dinheiro para a Educação no gabinete do governador? Porque nunca se viu isso”, avaliou. “O valor aumenta todos os dias, porque cai dinheiro nas contas”, reforçou. A coordenadora também frisou que o estado tem investido na cobertura da quadras poliesportivas. “Três unidades estão prontas para inaugurar e 14 estão em andamento”, acrescentou.

Novas Salas AEE

Com o processo de revitalização, as novas salas de AEE passarão a contar com espaço físico padronizado. Outra novidade diz respeito aos materiais pedagógicos, que terão seu número ampliado. Isso além do conforto aos professores e alunos, garantidos pela nova mobília. Os recursos para as melhorias serão depositados diretamente aos Conselhos Escolares das instituições de ensino. Cada uma deverá prestar contas ao fim do processo.

As salas são uma forma de garantir uma educação mais inclusiva. Elas acompanham o funcionamento das unidades escolares, bem como o seu calendário escolar. Os alunos têm o direito de até quatro horas semanais de atendimento educacional especializado, que deve ser realizado no contraturno da escolarização de forma individual ou em agrupamentos de quatro a cinco pessoas.

Um manual elaborado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc), e destinado aos gestores escolares, indica como deve ser a padronização das salas de recursos multifuncionais. Entre os materiais necessários para atendimento inclusivo estão: calculadora sonora, baralho braille, relógio com libras, jogos de discriminação auditiva e de percepção visual e globo terrestre adaptado. Outros equipamentos obrigatórios serão computadores, notebooks, headphones e impressora multifuncional.

A Política Nacional de Educação Especial, na perspectiva de educação inclusiva, define como público do ensino especial aqueles estudantes com deficiência (sensoriais, motora e intelectual), com transtornos globais do desenvolvimento (TGD) e do espectro autista (TEA), e ainda os que apresentam altas habilidades/superdotação (AH/SD).

Mais investimentos

O evento também marcou a entrega de oito dispositivos de leitura OrCam MyEye, destinados a um professor e estudantes da rede municipal de Aparecida de Goiânia com deficiência visual. O aparelho é acionado por voz e realiza leitura de textos, telas e faz reconhecimento facial. O Governo de Goiás investiu R$ 2,6 milhões e serão entregues 156 unidades do equipamento em todo o Estado, com custo unitário de R$ 17 mil.

Para o professor José Roberto Francisco de Souza, da Escola Municipal Pontal Sul, o equipamento vai promover mais autonomia no dia a dia e também para o exercício do magistério. “Estou muito feliz. É uma tecnologia que vai nos ajudar com a leitura de livros didáticos e literários”. A estudante Estefany Sophia se empolgou com o recurso. “Tenho certeza que vai ajudar muito a mim e a muitas outras pessoas. É mais que só legal, e mais que só incrível”, afirmou.

Os estudantes de Aparecida de Goiânia também foram contemplados com Chromebooks. Foram destinados 5.647 computadores para estudantes da terceira série do Ensino Médio matriculados na rede estadual no município. O investimento total para o incremento tecnológico é de R$ 144 milhões, com a aquisição de 60 mil unidades. Caiado assinou ainda a ordem de serviço no valor de R$ 7,1 milhões para retomada da obra de construção do colégio padrão Século XXI, no Setor Retiro do Bosque, também em Aparecida de Goiânia. O investimento é de R$ 7,1 milhões.

Também foi entregue um laboratório móvel para o Colégio Estadual Jardim Tiradentes. O recurso tem como objetivo ampliar a conectividade e o acesso de professores e estudantes às tecnologias educacionais. Os investimentos estaduais alcançaram cerca de R$ 57,2 milhões na aquisição de 417 laboratórios móveis de Informática. Também foram entregues 8.260 novos jogos de mobiliário para uso dos estudantes em sala de aula, com carteira e mesa. Outros 5.846 foram reformados. Na regional, o total de conjuntos entregues é de 14.103.

“Isso de fato é uma verdadeira revolução”, classificou o deputado federal Glaustin da Fokus ao mencionar o quanto o governador “investe e trabalha” pela educação. “Enquanto muitos governadores desse Brasil pensavam em outras formas, Caiado estava arrumando as escolas. Parabéns pela dedicação e transformação que fez”, reconheceu o parlamentar.

Para o ex-deputado federal Daniel Vilela, os investimentos do atual governo demonstram a boa vontade de promover melhorias acima das questões partidárias. “A gente precisa ter a humildade de reconhecer as pessoas que fazem o bem, que tem bons princípios, bons propósitos e que querem aproveitar a oportunidade na política para fazer o melhor”, destacou. “Os interesses políticos não podem sobrepor as alianças das pessoas de bem, que querem fazer pelo nosso Estado e pelo nosso povo”, completou.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.