Confiança do empresário industrial volta a subir, aponta Fieg

A Coordenação Técnica (Cotec) da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) divulgou segunda-feira (29/11) dados atualizados do Índice de Confiança do Empresário Industrial Goiano (ICEI). Em novembro, o indicador subiu 9,6 pontos frente ao mês anterior, voltando a ultrapassar a marca dos 60 pontos (62,5). Na comparação com igual período do ano passado, o resultado também foi positivo, com incremento de 0,9 ponto.

De acordo com análise divulgada pela Cotec/Fieg, “os resultados atuais são vistos de forma positiva, pois ainda que o cenário econômico siga desestabilizado, com descontrole inflacionário, aumento dos juros e alta taxa de desemprego, por exemplo, o setor produtivo mantém a confiança na economia e em seus negócios, sinalizando uma manutenção, ou mesmo um aumento, no nível de produção”.

O resultado goiano vai na contramão do apurado nacionalmente, que pelo terceiro mês consecutivo apresentou queda, fechando nos 56 pontos. Desde setembro, o ICEI nacional acumula recuo de 7,2 pontos. Entretanto, o indicador permanece acima da linha divisória dos 50 pontos, indicando que empresários industriais seguem confiantes.

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) é uma sondagem realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) em parceria com a Fieg e busca identificar tendências na produção industrial. Conforme metodologia da pesquisa, o índice varia de 0 a 100 pontos e resultados acima de 50 sinalizam confiança em alta.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.