Assembleia realiza segunda edição do programa Alego Ativa em São Simão

A Assembleia Legislativa realizou neste sábado (29), em São Simão, no Sul goiano, a segunda edição do Alego Ativa, programa itinerante de autoria da Mesa Diretora. O evento foi realizado em uma tenda armada na Avenida Goiás (Praça Cívica), em frente ao Colégio Municipal Leopoldo Moreira, que cedeu suas salas para cursos, palestra e reunião do projeto, das 8 às 18 horas.

Na abertura desta edição do Alego Ativa, o presidente da Assembleia, Lissauer Vieira (PSB), participou da solenidade de hasteamento das bandeiras em frente à escola pública municipal, ao som do Hino Nacional Brasileiro, cantado por Priscila Keyna, com Eliebe Gomes nos teclados, Lissauer hasteou a bandeira do Brasil, com o prefeito de São Simão, Wilber Floriano Ferreira (PTB), o Ibinho, o vereador Lázaro Lacerda de Oliveira Jr., Lazinho (Podemos), presidente da Câmara do município de São Simão.

Dirigiram-se em seguida para a tenda, onde se deu a solenidade de abertura da segunda edição do Alego Ativa. Primeiro a fazer uso da palavra, o prefeito Ibinho, anfitrião do evento, enfatizou que todos e todas eram muito bem vindos a São Simão. E, depois, agradeceu aos deputados Lissauer Vieira e Henrique Arantes (PTB), representante do município, por ter levado o Alego Ativa para São Simão. “Agradeço a vocês por terem vindo aqui num dia de sábado, para ouvir lideranças e a comunidade com vistas à elaboração de projetos de leis voltados para a melhoria da qualidade de vida da nossa gente. Que Deus continue abençoando vocês nessa caminhada”, frisou.

Em seguida, discursou o presidente da Câmara de São Simão, Lazinho Lacerda, que agradeceu a presença das autoridades de Goiânia e dos municípios vizinhos, bem como a comunidade em geral. “Agradeço a Deus por mais essa oportunidade de estarmos nos reunindo em busca de soluções para problemas do nosso município e da nossa gente”, ressaltou.

Lazinho enalteceu a iniciativa da Alego e ao concluir suas palavras, entregou duas reivindicações a Lissauer Vieira: construção de redutores de velocidade e sinalização na entrada de Itaguaçu, aliás uma indicação da vereadora Jane Vilarinho (PDT já aprovada pela Câmara de São Simão.

Terceiro a fazer uso da palavra, o diretor de Assuntos Institucionais da Alego, Simeyzon Silveira, responsável pela realização do evento, agradeceu ao presidente Lissauer pela oportunidade de comandar tão importante programa. Agradeceu a cada um dos parceiros e, mais uma vez, colocou para o povo cada serviço que seria prestado pela manhã e à tarde. Ressaltou os atendimentos nas áreas jurídica, de saúde, tais como dermatologia e odontologia; bem como nas áreas educacional e cultural, pelo Sebrae, Sesi e Senac, como palestras nas áreas do orçamento público, licitação, metrologia, comunicação, redes sociais e de bem viver. Também destacou a exposição do Batalhão Ambiental e conscientização sobre recuperação de nascentes, inclusive com distribuição de mudas nativas do bioma Cerrado. Falou ainda da reunião a seguir com prefeitos, vereadores e outras lideranças municipais.

Depois discursou o diretor do Sebrae Rio Verde, Cláudio Laval, que cumprimentou a mesa e agradeceu a oportunidade de estar participando do importante programa da Alego, através do Sistema S: Sebrae, Senai e Senac. Esclareceu que todos os cursos oferecidos no Alego Ativa também poderão ser feitos via internet, gratuitamente e com emissão de certificados. “Basta acessar nosso site”, enfatizou. Por fim reforçou que seguirá firme na parceria com o Estado de Goiás, Alego e municípios.

A propósito, já estão sendo programados mais dois programas do Alego Ativa: Luziânia, no mês de agosto; e Alvorada do Norte, em setembro.

O deputado Henrique Arantes discursou em seguida. Agradeceu as recepções por parte do prefeito Ibinho e do vereador Lazinho e parabenizou Lissauer Vieira pelo programa Alego Ativa. “Você programou um evento de trabalhar pelas pessoas, diferente do Governo de Goiás que fica reclamando que não tem dinheiro para pagar folha. Não adianta ficar chorando, reclamando, tem que fazer como a Alego que, mesmo em meio à crise financeira, tem criatividade para desenvolver um projeto de tamanho alcance, levando benefícios de toda ordem para a população. Confesso que estranhei a crítica de uma repórter do jornal O Popular ao programa, haja vista que ele custa cerca de R$ 30 mil, mais as diárias dos servidores da Casa, e proporciona saúde, educação, cidadania, enfim melhoria da qualidade de vida ao cidadão do interior. Por que esta repórter não vem fazer cobertura do Alego Ativa para aí, sim, escrever sobre o evento”, salientou o parlamentar. Lembrou ainda que o prefeito Ibinho adquiriu uma área e doou para o Governo do Estado fazer as instalações do Corpo de Bombeiros Militar em São Simão.

Por último discursou Lissauer Vieira. O presidente da Alego falou da alegria dele em estar em São Simão, revendo amigos e trazendo serviços para a comunidade, em parceria com a prefeitura e câmara do município, com todos os parceiros que possibilitaram o atendimento no dia. Disse que a Alego é dos 41 deputados e que Henrique Arantes solicitou a ele para trazer o programa Alego Ativa para São Simão e foi atendido de pronto, porque Henrique é um representante que luta com determinação por essa região. Agradeceu a todos que contribuíram pela realização da segunda edição do projeto, que deixa evidente a disposição da Alego nessa 19ª Legislatura de aproximar da sociedade.

“Estou convicto de que todos os deputados desta legislatura estão imbuídos do propósito de contribuir para melhorar a situação de Goiás. E o povo goiano pode ter a certeza de que até o final do nosso mandato estaremos nos empenhando em ouvi-lo para elaborar projetos que venham efetivamente dar melhor qualidade de vida a todos”, disse Lissauer.

Reunião

Após os discursos, Lissauer Vieira e Henrique Arantes reuniram-se com prefeitos, vereadores e lideranças da região, especialmente de São Simão, Cachoeira Alta, Paranaiguara e Caçu, em uma sala do Colégio Municipal Leopoldo Moreira. Os deputados ouviram reivindicações e de pronto asseguraram que vão trabalhar com determinação para atender cada uma delas. Lissauer assumiu compromisso de liderar movimento com vistas a cancelar imediatamente os contratos do Goiás na Frente com os municípios, haja vista que isso está prejudicando os prefeitos de tocar obras, por falta de licitação.

O presidente da Alego informou que já nesta semana promoverá uma reunião com representantes do Ministério Público, Procuradoria do Estado e Tribunal de Contas dos Municípios, entre outros órgãos e poderes envolvidos na questão, para resolvê-la o quanto antes.

Programação

Nesta segunda edição do Alego Ativa, a comunidade foi diretamente atendida com serviços de assistência social, jurídicos, de saúde e de capacitação profissional. Palestras sobre temas de interesse público e cursos de treinamento e qualificação também foram oferecidos para agentes públicos locais. Foram disponibilizadas, ainda, atividades culturais, de entretenimento, lazer, entre outras.

No período da manhã, a população participou de seis cursos. “Licitação”, “Orçamento” e “Comunicação e Redes Sociais”, todos os três aplicados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). O curso “Excelência de atendimento ao público” foi oferecido pela Escola do Legislativo da Alego; já o tema “Metrologia” foi ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). A palestra “Sobre-Vivendo” – Alego Ativa encerrou as atividades do turno matutino.

No período vespertino, foram oferecidos os cursos “Prestação de Contas”, que ficou por conta do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM); “Fundamentos do processo de soldagem com eletrodos revestidos”, a cargo do Senai; palestra “Sobre-Vivendo” – Alego Ativa”; “Comunicação e Redes Sociais” e “Contratos e Convênios”, ambos ministrados pelo Senac; “Excelência de Atendimento ao Público”, ensinado pela Escola do Legislativo. O curso “Como agir de maneira empreendedora”, oferecido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), foi o sétimo e último da tarde.

No total, foram realizados 2.170 atendimentos nessa segunda edição do Alego Ativa, marca essa devidamente comemorada por Lissauer Vieira e demais parceiros do programa, bem como pela equipe que executa o evento.

Alego Ativa

O projeto atua escolhendo uma cidade-sede que receberá o evento e mobiliza as câmaras municipais, prefeituras e comunidades locais na microrregião. Realiza palestras relacionadas a temas de interesse público e elabora cursos de treinamento e qualificação para os agentes públicos, promovendo a integração entre os poderes, lideranças locais e comunidade por meio de projetos educativos, técnicos e científicos, que incluem seminários, palestras, cursos e debates.

O projeto Alego Ativa é uma realização da Diretoria de Assuntos Institucionais da Assembleia, que realizou parcerias institucionais para esta 2ª edição do programa com a Escola do Legislativo, prefeitura de São Simão, Polícia Civil, Faculdade Sul-Americana (Fasam), Sebrae, Sesc, TCM, Câmara Municipal de São Simão, Senac, Senai, Defensoria Pública (DP-GO), União dos Vereadores do Estado de Goiás (Uvego), Uni-Anhanguera, Batalhão Ambiental da PMGO e Jeiza Höhl.

A Fundação Banco de Olhos de Goiás (Fubog), que não pôde comparecer nessa segunda edição, estará presente na terceira edição, que está sendo programada para o último final de semana de agosto, em Luziânia.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.