Anápolis registra menor número de mortes por covid-19 em 18 meses

Anápolis registou o menor número de mortes por covid-19 em 18 meses. Foram nove óbitos nos 30 dias do mês passado. Somente em abril (duas) e maio (quatro) de 2020, logo no início da epidemia, houve menos óbitos.

Desde julho, Anápolis tem uma queda contínua nas mortes por covid-19. Novembro foi o quinto mês consecutivo em que houve redução nos mortes. O pico de óbitos ocorreu em março, com a disseminação da variante Gamma, quando 352 anapolinos perderam a vida para o coronavírus. A queda, na comparação do pico com novembro, é de 97,4%.

Em 22 dos 30 dias de novembro não houve mortes. O único dia com mais de um óbito registrado foi 12 de novembro, quando duas pessoas faleceram. Anápolis está há cinco dias sem registrar novas fatalidades pela covid-19.

O número de casos também segue em queda. Foram 362 notificações durante o mês de novembro, redução de 67,9% frente aos 1.130 casos de outubro. Em março, a cidade chegou a notificar quase 8 mil infecções.

Com a redução das contaminações, Anápolis também vê um número muito baixo de internações. O número de pessoas hospitalizadas por covid-19 na cidade tem variado entre 10 e 15. Em setembro, a prefeitura já havia desmobilizado o Centro de Internação Norma Pizzari, que serviu como referência para atendimento aos pacientes com coronavírus por mais de um ano.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, atualmente há 157 anapolinos contaminados com o coronavírus, sendo que 143 se recuperam em casa.

Vacinação em Anápolis

A queda expressiva nos números é atribuída à vacinação. Até aqui, Anápolis vacinou mais de 307 mil pessoas com pelo menos uma dose, o que corresponde a cerca de 78% da população total e 90% do público elegível – a partir de 12 anos – para se imunizar.i

Mais de 230 mil pessoas completaram o esquema vacinal. A cidade mantém dezenas de postos espalhados para atender quem precisa tomar a segunda dose ou o reforço e também para quem não se vacinou ainda.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *